quarta-feira, 8 de outubro de 2014

Preto versus colorido

Hoje saí inteirinha de preto. Acredito que isso se deveu a dois fatores: metade porque queria usar tênis e metade pelo meu atual medo de estampas.

Toda terça-feira tenho um compromisso pertinho do Shopping Higienópolis e frequentemente aproveito para passar lá para um lanche e para ver as novidades. Hoje não foi diferente.
Não sei se pelo uniforme preto ou se por esse shopping ter muito menos espelhos e vidraças aparentes que o JK, não me vi mal-refletida em lugar nenhum.

No entanto, o preto total não resistiu por muito tempo. Entrei na Tatiana Loureiro para ver as novidades e, no meio de tanta coisa linda, escolhi uma sapatilha coral com uma mão de Fátima em cristais. Resultado? O tênis foi para a sacola e a sapatilha já saiu da loja nos pés.


Um passo para o lado e... uma Hector Albertazzi com uma vitrine linda de morrer. Já sabe, né? Mês de aniversário, 10% de desconto em tudo, não dá para resistir. Saí de lá com uma pulseira "asa de borboleta" coral e turquesa maravilhosa no braço.


Conclusão: não sou uma pessoa de preto total. Adoro uma calça jeans preta, acho que veste com tudo. Mas dos pés à cabeça, não dá. 


P.S.: Comprei também um colar de turquesas Francesca Romana Diana, mas esse vale um novo post. Escrevo amanhã. ;)

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Seu comentário estará visível após moderação. Obrigada!