sábado, 13 de setembro de 2014

Viver aos 50'

Se você tem 50 anos ou mais, continue a leitura. Se não tiver, pule este post, não vai lhe interessar. ;)

Hoje minha irmã esteve em minha casa e estranhamente, por vir de uma pessoa altamente espiritualizada, disse: "Você não sente que tem dias que falta alguma coisa na vida, que carece de um propósito, e isso deprime a gente? Não será da idade?".

Sim, acho que é da idade. Todas as amigas delas, as minhas e nós mesmas sentimos essa angústia ultimamente. Uma incompreensão da vida e de seus caminhos, um olhar constante para o final do curso da mesma sem entender muito como é que ontem isso não nos acometia.

Supondo que você tem algum tempo para seus próprios pensamentos, algum dia algo meio sombrio vem lhe visitar falando que estamos ficando velhas, que o corpo não é mais o mesmo, que os filhos estão indo embora e nos deixando e, o pior de todos, que os pais estão muito, muito velhinhos...

O que afasta esse sentimento é o vislumbre da ação em torno de algo que nos agrade. O tal do "propósito". Onde arrumá-lo?

No meu caso, meu sonho pequeno é transformar minha escrivaninha de forma bem fashionista, com bolsas e sapatos e livros de moda expostos, com todos os itens lindinhos que coleciono a cada viagem. Ainda não tenho espaço para isso, mas quem sabe ainda consigo?

E meu sonho grande é com ação em torno de algo da área de moda, porém ainda não sei concretizá-lo. Gostaria de fazer caridade ensinando jovens moças a se vestirem elegantemente com as peças que já têm. Gostaria de participar da criação de alguma coleção de acessórios de moda, seja de bijoux, sapato, bolsa. Gostaria de levar a mais pessoas as noções de bem vestir e de como se divertir com a Moda. E a arrumação e organização de closet também seria uma atividade muito bem vinda.

Enquanto não colocamos nossas ideias em prática, a entressafra que são esses 50 anos nos atinge em cheio.


Por outro lado...
Este vídeo TED de Isabel Allende é muito bom para nos animar. Ela está com 71 anos e diz como enfrenta a vida: apaixonadamente.

Link aqui.

A frase que aparece na tela é uma das que mais gostei. O que ganhamos com o avanço da idade? Liberdade! "Liberdade de não ter que se provar mais, de não estar presa à ideia de quem se era, de quem se quer ser e de quem os outros esperam que sejamos".

Se ela está assim poderosa aos 71, o que estamos fazendo, reclamando aos 50?

Penso que se nos focarmos nos ganhos que tivemos ao atingir 50' e, se não nos deixarmos sufocar pelos projetos ainda não realizados, a vida vai ficar mais leve, mesmo aos entas.

Em tempo: tenha amigas, cultive bem essas amizades. Nossas amigas do coração são a melhor coisa que podemos ter, sempre!