segunda-feira, 24 de março de 2014

Bota cut out

A cut out é a bota recortada que deixa parte do pé à mostra, criação da Balenciaga em 2011. Ano passado já tivemos um movimento de introdução dessas botas, mas neste inverno 2014 parece que a coisa realmente vai "pegar".
No entanto, só agora, com início do Outono e alguma baixa de temperatura aparecendo é que vamos poder abandonar as sandálias e sapatilhas e optar por calçar uma bota cut out. Então lá vai:
  1. Dá perfeitamente para uma enta usá-la, não é nada que chame tanto a atenção assim.
  2. Existem modelos delicados e existem outros horríveis, que mais parecem sapatos ortopédicos. Cuidado ao escolher.
 
Esta aqui é a minha, da Constance.

Comprei online, sem conhecer a loja. Troquei mensagem com a Kênia do blog A Saga da Bota e ela validou a loja com este comentário:
"Eu conheço a Constance há tempos, já tive várias sapatilhas de lá e todas eram muito confortáveis, então acredito que a bota também deve ser!"

Isso, mais o fato do custo x benefício estar ótimo, me fez arriscar nessa aquisição. 
Ela (ainda) está por R$160 e é linda!
É de camurça com as tiras e biqueira em couro liso. As fivelas são douradas e o zíper fecha no calcanhar. Gostei muito do solado antiderrapante e do salto médio (aprox. 5cm).

E você já vai entender porque falei que o custo está ótimo: olha só os preços que a Kênia coletou em seu post de 23 de fevereiro de 2014:


Isso posto, se quiser se arriscar na tendência sem gastar muito, esta é minha dica.
Realmente não acho que seja algo que vamos usar demais -- até porque quando ficar muito frio vamos querer as botas fechadas e quentinhas, não é?


Então, para finalizar: como é o conforto? 
É bom: passei o dia com ela e não me machucou. Levando em conta que não se usa meia com essa bota recortada, o ponto que mais incomodou foi a costura sobre o zíper do calcanhar. Eu não a calçaria para fazer uma tarde de compras no shopping, porém, para trechos curtos é bem razoável.
Ah! Comprei meu número habitual e o tamanho ficou bom. 
#aprovada  :)