terça-feira, 1 de outubro de 2013

Gostar de moda

Gostar de moda no Brasil é tão frustrante... Eu recebo emails mostrando as novidades das principais marcas, vejo os blogs cobrindo as semanas de moda em Paris, Londres, Milão, e tudo que é mostrado na tela do micro está a anos luz de aparecer por aqui. Pelo menos de forma democrática, em uma grande loja de departamento que mostre tudo e onde você possa passear tranquila, sem pressão de vendedores, só olhando as últimas novidades.

Já falei que em NY tem várias enormes lojas abrigando áreas para todas as marcas possíveis. Na França encontrei a mesma coisa: a Galeries Lafayette é uma, e a Printemps outra. Ficam quase vizinhas e são enormes e lindas.

Além de tudo a Lafayette ainda tem dentro dela uma filial da Angelina, uma casa de chá chiquérrima com doces maravilhosos, e a Printemps tem um restaurante bárbaro no último andar, com vista para o domo lindo de vitrais.

Foto do vitral refletido no tampo da mesa, que é espelhado.

Mas não era isso que eu estava falando... Sobre a moda, o que ocorre é que tudo que você vê como novidade nos emails e blogs, você encontra nesses big magazines. Exemplo: vi no email do Net a Porter essa saia diferentérrima:
No dia seguinte, na Printemps, lá estava ela em um manequim! Deu para pegar, sentir o tecido, ver os detalhes. E o quanto isso não é legal?!?!?!
Quem realmente gosta de moda não quer TER tudo que aparece, mas quer a oportunidade de VER as nuances de cada peça.

Então, isso falta aqui. Que pena...  :(